Erro
  • Erro ao carregar componente: com_imageshow, 1
Onde eles estão?

CESAR DE QUEIROZ BENJAMIN
("MENININHO"; "CESINHA"; "FIDELIS"; "EDUARDO"; "GILBERTO"; "GIL"; "DOMINGOS; "RIBAMAR" ; "JULINHO" ; "CABRAL" ; "FLORIANO" ; "FLO"; "PARAIBA" ; "PARAIBINHA" ; "LAERTE ABREU JUNIOR" ; "LAERTE").

- Organização Terrorista : MR-8

- Dez 69, com 16 anos, era integrante do Grupo de Fogo (GF) do MR-8/ RJ.- 12 Nov 70, tentativa de prisão de 3 militantes do MR-8, (Cesar de Queiroz Benjamin, Sonia Eliana Lafoz e Caio Salome Souza de Oliveira), no Jardim da Igreja do Divino Salvador, no Encantado/GB. Eles receberam a policia à bala e fugiram sob os olhares de dezenas de populares; largaram um bornal com uma pistola e um cano de chumbo cheio de dinamite.Foram feridos os detetives José Evaristo da Silva e Valter Modesto Dias. Foi a 1ª fuga.

- 06 Ago 71, à tarde cobriu ponto com José Carlos de Souza (ROCHA ) no centro de Salvador/BA ; policiais deram voz de prisão aos dois . "Menininho" atracou-se com os agentes, chegou a atirar e fugiu. Foi a 2ª fuga. José Carlos foi preso e começou a denunciar diversos companheiros.
 
- 21 Ago 71, às 19:00 hs, logo depois de passar um telegrama do Rio de Janeiro para Iara Iavelberg (sem saber que ela já estava morta), "Menininho", num Volks, com Ney Roitman, Alberto Jak Schprejer ("SOUZA" ; "BETO") e Teresa Cristina de Moura Peixoto ( TETÊ ), é detido por uma "Operação Pára- Pedro", na Avenida Vieira Souto, na altura do Jardim de Alá. Ao serem solicitados os documentos, "Menininho" saiu rapidamente do carro, fugindo correndo entre os transeuntes. Foi a 3ª fuga.

- No veículo, o diário de Lamarca e cartas para Iara Iavelberg forneceram, aos órgãos de segurança, a certeza de onde deveriam procurar e concentrar esforços. Sem saber do acontecido e sentindo-se "queimado" no Rio de Janeiro, " Menininho" retornou a Salvador, sendo preso em 30 de agosto, num "ponto" delatado por Jaileno, no Rio Vermelho.

- Após longa série de assaltos e ter escapado de três choques com a polícia, o "terrível Menininho", com apenas 17 anos, mostrou-se extremamente dócil nos interrogatórios. Suas extensas declarações, todas de próprio punho, desvendaram a linha política e as ações do MR-8. Muitos militantes foram, então, identificados. Chegou, inclusive, a fazer uma análise dos métodos de interrogatório aplicados, declarando-se surpreso com o bom tratamento recebido e com o nível de seus interlocutores. Com essa nova e importante fonte, os orgãos de segurança, que já haviam retirado boa parte de seus efetivos da região de Brotas de Macaúba, retornaram ao local, iniciando-se nova caçada a Lamarca e a Zequinha.
 
- Em 1976 foi expulso do País, retornando em 1979, após a anistia. De volta à política, torna-se um dos fundadores do PT.
 
- Coordenou a primeira campanha de Lula à Presidência da República, em 1989
 
- Desligou-se do PT em 1995 e no final dos anos 90 funda a Editora Contraponto.
 
- Em 2004 filiou-se ao PSOL (Partido Socialismo e Liberdade) e, em 2006, é candidato a vice-presidente na chapa de Heloísa Helena. Neste mesmo ano desfilia-se do PSOL.
 
- Em 2009, César Benjamin descreveu em sua coluna na Folha um episódio em que o Presidente Lula declarou que teria tentado violar um companheiro de cela no período em que esteve preso. Segundo ele, Lula explicou que, quando foi preso, nos anos 70, havia um jovem em sua cela, conhecido como "menino do MEP", que resistiu violentamente às suas investidas.
 
Segundo a Folha e a Revista Veja, o "menino" seria João Batista dos Santos, e a sigla MEP é uma referência ao Movimento de Emancipação Proletária.
 
O chefe de gabinete de Lula, Gilberto Carvalho, respondeu, qualificando o artigo de Benjamin como ato de um "psicopata". Para Silvio Tendler, que presenciou a conversa entre Benjamin e Lula, tudo não passou de uma piada.

O TERNUMA agradece sua visita.
Ir para o topo
Desenvolvimento, Hospedagem e Manutenção por IBS Web.'.