Erro
  • Erro ao carregar componente: com_imageshow, 1

Onde eles estão? Tarso Fernando H. Genro

 

 

 

TARSO FERNANDO HERZ GENRO
("CARLOS, "RUI")

- Gaúcho de Santa Maria, nasceu em seis de março de 1947.

- É Aspirante R2 de Artilharia.

- Em 1966, atuava na UNE e era militante do PC do B. Atraído para a luta armada, saiu do PC do B e ingressou, em 1968, na Ala Vermelha.

- Em 1968 foi eleito vereador na cidade de Santa Maria/RS.

- Em 1970, ficou preso durante três dias no DOPS; solto, fugiu para o Uruguai.

- No início da década de 80, foi militante do clandestino Partido Revolucionário Comunista (PRC), sendo seu porta-voz, junto com o irmão.

- Com a criação do PT, ingressou nos quadros do partido no início da década de oitenta.

- Em 1986, foi eleito deputado federal constituinte pelo PT.

- Em 1988, foi eleito vice-prefeito de Porto Alegre pela Frente Popular, chapa encabeçada por Olívio Dutra, também do PT. Acumulou o cargo de vice-prefeito com o de secretário de Governo.

- Entre 1989 e 1990 teve rápida atuação como deputado federal.

- Em 1990, se candidatou pela primeira vez ao governo do Rio Grande do Sul, perdendo para Alceu Collares, do Partido Democrático Trabalhista (PDT).

- Em 1992, candidatou-se à Prefeitura de Porto Alegre. Foi eleito. Governou até 1996, quando passou o cargo de prefeito para Raul Pont.

- Em 2000, concorreu novamente à Prefeitura e foi eleito.

- Em 4 de abril de 2002, abandonou a prefeitura para concorrer novamente ao governo estadual. Perdeu para Germano Rigotto do PMDB.

- Após a derrota, foi convidado pelo presidente Lula para comandar o Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social, função na qual ficou até o início de 2004.

- Em 2004, quando Lula fez a sua primeira reforma ministerial, Tarso assumiu o Ministério da Educação.

- Em 2005, com o escândalo do mensalão, Genro assumiu a presidência nacional do PT.

- Em 2006, com a reeleição de Lula, Genro passou a ocupar a pasta do Ministério das Relações Institucionais, e, em 16 de março de 2007, tomou posse como novo ministro da Justiça.

- Em 10 de fevereiro de 2010, renunciou ao cargo de Ministro da Justiça para concorrer ao governo do Rio Grande do Sul, sendo eleito em 3 de outubro no 1º turno, com mais de 54% dos votos válidos.

- Assumiu o Governo do Rio Grande do Sul em 1º de janeiro de 2011

Voltar.

 

 

 

O TERNUMA agradece sua visita.
Ir para o topo
Desenvolvimento, Hospedagem e Manutenção por IBS Web.'.